Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Motoboy

O MOTOBOY utiliza uma motocicleta (geralmente de baixa cilindrada, de 90 a 250cc) para entregar e receber diversos tipos de objetos: documentos, pagamentos bancários entre outros.

+ ver mais

No momento não temos vagas disponíveis para esta profissão.

Realize uma nova busca ou navegue pelas áreas de atuação abaixo.

Motoboy

Sinônimos:

  • Motociclista
  • Motoqueiro

O Motoboy é o profissional que faz ??serviços de rua??, efetuando de maneira rápida pagamentos bancários, cobranças, coleta e entrega de documentos, bem como de valores. Esse profissional percorre roteiros a fim de localizar os destinos e endereços a serem encaminhadas as respectivas encomendas.

É função do Motoboy preencher protocolos, discriminando os materiais solicitados para entrega e também os que foram recebidos, bem como conferir os destinatários nos quais deve encaminhar as respectivas solicitações e, dessa forma, prevenir equívocos como, principalmente, entregas em locais errados. O profissional também é responsável por registrar e controlar os serviços de manutenção quando executados no seu meio de trabalho mais comum, a motocicleta.

A motocicleta, também deve estar de acordo com as exigências legais, sendo responsabilidade do Motoboy manter seu objeto de trabalho de acordo com os padrões de segurança e qualidade necessários.

 

Graduação necessária

 

Para que o indivíduo possa atuar como Motoboy é necessário ter concluído o Ensino Fundamental. No entanto, para o profissional que desejar obter uma maior capacitação e dessa forma trabalhar de maneira legal e com maior credibilidade, é necessário efetuar o Curso Especial de Treinamento e Orientação, credenciado ao Departamento de Transportes Públicos (DTP). O curso visa atualizar os conhecimentos acerca das normas de trânsito e da atividade do profissional, transmitindo especificidades da direção defensiva, primeiros socorros e princípios de relações humanas.

Os cursos para formação de Motoboy têm duração de 30 horas/aula e abordam temas como Noções de ética, Legislação, Segurança e saúde e Aulas práticas de condução da moto.

 

Regulamentação da carreira

 

A norma regulamentadora da profissão de Motoboy é a Lei nº12. 009, de 29 de julho de 2009, que regulamenta o exercício dos profissionais em transporte de passageiros, em entrega de mercadorias, serviço comunitário de rua, e motoboy, com o uso de motocicleta. A Lei estabelece regras gerais para a regulação desse serviço e dá outras providências.

 

Especializações possíveis

 

Não há especializações possíveis para Motoboy.

 

Aptidões desejáveis

 

Pela necessidade de transportar objetos com rapidez, espera-se que o Motoboy seja responsável, ágil, comprometido, organizado, dinâmico, pontual e saiba fazer médias para mensurar algumas entregas, visto que poderá encaminhar materiais que exigem certa urgência em locais diferentes e num mesmo período de tempo. É necessário que o Motoboy possua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), devendo ainda prezar pela qualidade das atividades exercidas e pelo respeito dos principais envolvidos.

 

Campos de atuação

 

O mercado de trabalho é bastante diversificado para o Motoboy, devido à necessidade que muitas organizações têm em responsabilizar uma ou mais pessoas para fazer serviços externos de diversas espécies. Assim, o profissional pode atuar em vários locais diferentes como restaurantes, farmácias, escritórios de contabilidade e advocacia, bancos, hospitais, lanchonetes, pizzarias e outros empreendimentos comerciais.

 

Certificações

 

Para atuar como Motoboy são necessárias as certificações da Secretaria Municipal de Transportes, da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), da Associação Brasileira de Motociclistas (ABRAM) e do Programa de Prevenção de Acidentes com Motocicletas (PRAM).