Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Médico em medicina intensiva

O MÉDICO EM MEDICINA INTENSIVA presta suporte avançado de vida a pacientes com desarranjo agudo de alguma função vital. Dedica-se ao suporte à vida ou suporte de sistemas e órgãos em pacientes que estão em estado crítico, que geralmente necessitam de um acompanhamento intensivo e monitorado. O tratamento intensivo é usado apenas para ganhar tempo para que a aflição aguda possa ser resolvida.

+ ver mais

No momento não temos vagas disponíveis para esta profissão.

Realize uma nova busca ou navegue pelas áreas de atuação abaixo.

Médico em medicina intensiva

Sinônimos:

  • Médico intensivista

O Médico especializado em Medicina Intensiva é o profissional que presta atendimento a pacientes em estado crítico, que necessitam de acompanhamento e assistência mais intensivos. Esses médicos são também conhecidos como intensivistas, podendo ser de diversas áreas da Medicina, como: anestesiologia, cardiologia, clinica médica e cirurgia. Os intensivistas atendem em um departamento especializado nos hospitais, as Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) e trabalham na recuperação de pacientes em estado reversível através da aplicação da terapia intensiva.

 

Graduação necessária

 

Para se tornar um Médico Intensivista é necessária a formação no curso de Medicina, que tem duração média de seis anos, tendo como matérias básicas Anatomia, Patologia e Fisiopatologia dos sinais. Para especializar-se em Terapia Intensiva, é preciso cursar uma pós-graduação para a capacitação profissional necessária, adquirida através de disciplinas específicas da área de tratamento no cuidado dos pacientes graves. Existe também a opção de Mestrado Profissionalizante em Terapia Intensiva, que forma professores mestres intensivistas.

 

Regulamentação da Carreira

 

Não há regulamentação para a profissão de Médico em Medicina Intensiva.

 

Especializações Possíveis

 

O Médico Intensivista pode se especializar para atuar na área de Medicina Intensivista para adultos, crianças ou recém-nascidos, os chamados Neonatologistas, todos atuantes nas UTIs.

 

Aptidões desejáveis

 

Para tornar-se um Médico especialista em Medicina Intensiva é preciso ser altruísta, para que suas ações sejam em prol dos pacientes, saber lidar com situações diversas, ter empatia pelo outro, ter capacidade de liderança e trabalhar em equipe, já que o ambiente de trabalho é formado por diversos profissionais, ser ético e manter o sigilo médico, entre outras aptidões.

 

Campos de atuação

 

O Médico Intensivista pode atuar nas Unidades de Terapia Intensiva, dentro dos hospitais. Alguns hospitais têm áreas especializadas em cuidados intensivos para determinadas especialidades médicas, como a Unidade de Terapia Intensiva Pediátrica, Unidade de Terapia Intensiva Neurológica e Unidade de Terapia Intensiva Coronariana, entre outras.

 

Certificações

 

Para exercer a profissão de Médico especialista em Medicina Intensiva é preciso estar inscrito no Conselho Regional de Medicina (CRM) e obter o título de Especialista em Medicina Intensiva concedido pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB) após aprovação em avaliação.