Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Médico do trabalho

O MÉDICO DO TRABALHO faz exames pré-admissionais dos candidatos ao emprego, realizando o exame clínico, interpretando os resultados dos exames complementares de diagnóstico, comparando os resultados finais com as exigências psicossomáticas de cada tipo de atividade, para permitir a seleção do trabalhador adequado à tarefa específica que vai realizar.

+ ver mais

No momento não temos vagas disponíveis para esta profissão.

Realize uma nova busca ou navegue pelas áreas de atuação abaixo.

Médico do trabalho

Sinônimos:

  • Médico examinador

Medicina do Trabalho é uma especialidade médica, responsável pela prevenção da saúde do trabalhador, visando não somente a prevenção dos acidentes e das doenças de trabalho, mas da qualidade de vida, bem estar e produtividade dos trabalhadores. Um especialista nessa área também avaliará as condições do candidato a ocupar determinado trabalho e realizará reavaliações periódicas de sua saúde, dando ênfase aos riscos ocupacionais.

 

Graduação necessária

 

Segundo a Norma Regulamentadora de número 4 do Ministério do Trabalho e Emprego, são considerados Médicos do Trabalho, os portadores de certificado de conclusão de especialização em Medicina do Trabalho, em nível de pós-graduação, ou portador de certificado de Residência Médica em área de concentração em saúde do trabalhador.

Para cumprir esses requisitos é necessária graduação em Medicina, onde o profissional adquire conhecimentos em Anatomia, Fisiologia, Física, Antropologia, Epidemiologias. Essas matérias fazem parte do ciclo básico e, posterior a isso, vem o ciclo profissional e o estágio. O curso tem duração mínima de seis anos em período integral.

 

Regulamentação da carreira

 

No Brasil, o exercício da prática médica é regulamentado pela Lei N° 3.268 de 30 de Setembro de 1957 e pelo Decreto nº 44.045, de 19 de julho de 1958, que dispõem sobre a criação dos Conselhos Federal e Regional de Medicina, nos quais os médicos devem ter registro para poderem atuar legalmente.

 

Especializações possíveis

 

O Médico do Trabalho poderá se especializar em uma subárea ou em uma enfermidade específica. Cursando uma dessas pós-graduações o profissional se aprofunda, tornando-se ainda mais apto a prescrever tratamentos e realizar ações de prevenção em seus pacientes num campo específico.

 

Aptidões desejáveis

 

Por ser um profissional que lidará com pessoas com problemas de saúde é necessário ter capacidade de pensar e agir sobre pressão, planejamento, ética, conhecer e diagnosticar doenças e acidentes relacionados com o trabalho. Além disso, é importante que o médico esteja sintonizado com os acontecimentos do mundo do trabalho em seus aspectos sociológicos, políticos e tecnológicos.

 

Campos de atuação

 

O campo de atuação do profissional Médico do Trabalho é bem amplo. Ele pode exercer sua função em espaços do trabalho ou da produção de empresas, na normalização e fiscalização das condições de Saúde e Segurança do Trabalho, na rede pública e no desenvolvimento de ações de melhorias na Saúde do Trabalhador.

 

Certificações

 

De acordo com as normas para concessão de Título de Especialista definidos pela Associação Médica Brasileira (AMB) e a Associação Nacional da Medicina do Trabalho (Anamt) concede o título de especialista em Medicina do Trabalho, mediante a uma prova. O título emitido pela AMB/Anamt é uma das melhores formas de mostrar a qualificação desse profissional, relacionada à Saúde e Segurança do Trabalho.