Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Médico cirurgião plástico

O MÉDICO CIRURGIÃO PLÁSTICO trabalha fazendo cirurgia plástica com objetivo da reconstituição de uma parte do corpo humano por razões médicas ou estéticas. A cirurgia plástica reparadora tem como objetivo corrigir lesões deformantes, defeitos congênitos ou adquiridos. É considerada tão necessária quanto qualquer outra intervenção cirúrgica. A cirurgia plástica estética é aquela realizada pelo paciente com o objetivo de realizar melhoras à sua aparência.

+ ver mais

No momento não temos vagas disponíveis para esta profissão.

Realize uma nova busca ou navegue pelas áreas de atuação abaixo.

Médico cirurgião plástico

Sinônimos:

  • Cirurgião plástico

É o profissional da área da Medicina responsável pela reconstituição de uma parte do corpo humano por razões médicas ou estéticas. É de responsabilidade do cirurgião orientar os pacientes no processo pré-operatório, pedir e analisar todos os exames necessários à execução da cirurgia e acompanhar a recuperação pós-cirúrgica. É uma profissão que requer uma perícia e competência muito grande do profissional.

 

Graduação necessária

 

O Médico Cirurgião Plástico deve ser formado, primeiramente em Medicina, após seis anos de graduação. Depois da conclusão do curso, é necessária a residência em Cirurgia Plástica, que compreende dois anos de Cirurgia Geral, seguidos de três anos de Cirurgia Plástica Reconstrutiva e Estética num programa de 60 horas semanais.

 

Regulamentação da carreira

 

A carreira de Médico Cirurgião Plástico não tem regulamentação própria e é regida pela regulamentação da medicina, através da Lei nº. 3.268, de 30 de setembro de 1957, que discorre sobre os Conselhos de Medicina e outras providências, e do Decreto nº. 20.931, de 11 de janeiro de 1932 e da Lei nº. 6.932, de 07 de julho de 1981, que dispõe sobre as atividades do médico residente e outras providências.

 

Especializações possíveis

 

O profissional dessa área pode seguir duas vertentes: a cirurgia plástica reparadora e a cirurgia plástica estética. A parte estética é aquela realizada pelo paciente com o objetivo de realizar melhoras à sua aparência, sem associação nenhuma ao seu estado de saúde. Na cirurgia reparadora, o cirurgião tem o objetivo de corrigir alguma disfunção de saúde, seja por fatores acidentais ou genéticos.

 

Aptidões desejáveis

 

É de fundamental importância a um cirurgião a destreza com seus instrumentos de trabalho, tendo em vista que qualquer movimento equivocado pode trazer sérias consequências. Além disso, é necessário ao profissional responsabilidade e bom senso, partindo do pressuposto que terá de lidar com pacientes que visam mudar de alguma forma seu corpo, o que não é uma coisa simples, já que muitas dessas intervenções são definitivas.

 

Campos de atuação

 

Esse profissional pode atuar em qualquer local onde exista uma estrutura básica para a realização de cirurgias. Seu local de trabalho geralmente é um hospital, entretanto, dependendo da estrutura do local, é possível a atuação em clínicas de estética também.

 

Certificações

 

Não há certificações para o Médico Cirurgião Plástico.