Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Analista de departamento pessoal

O ANALISTA DE DEPARTAMENTO PESSOAL atua em todas as atividades de uma seção de pessoal, organizando e orientando os trabalhos específicos da mesma, para assegurar o desenvolvimento normal das rotinas de trabalho.

+ ver mais
3 anúncios encontrados VER: Detalhes | Lista
 

Analista de departamento pessoal (2 vagas)

Publicado em 13/07/2017
Profissional irá atuar com processos de admissões e demissões, controles de documentações, folha de pagamento, controle de ponto eletrônico, férias, afastamento, abonos, rescisões, realizar o controle de pessoal através de atividades como preparação de folhas de pagamento, determinação de período de férias e rescisões, elaborar relatórios de rotinas, manter o controle dos empregados de uma empresa, esclarecimento e auxílio na resolução dos problemas dos funcionários, na área social e de benefícios, envolvendo também rotinas previdenciárias (INSS), controle de afastamentos e acompanhamento de integrantes, realizar cálculo de folha de pagamento, encargos sociais (FGTS,INSS e IR), processo admissional e demissional, Atuar com conectividade social, informação CAGED, RAIS e DIRF, efetuar cálculo de rescisão GRRF, contribuições sindicais e taxas assistenciais, entre as demais atividades inerentes ao departamento de pessoal, orientar e executar tarefas referentes a toda rotina de pessoal, na qual envolvem atividade de admissões, demissões, controles de documentações, folha de pagamento, férias, abonos, rescisões e etc., organizar e controlar a rotina de trabalhadores. Leia mais sobre o anúncio
Empresa:
Confidencial
Cidade:
  • SAO PAULO/SP (2)
 

Analista de Departamento Pessoal (1 vaga)

Publicado em 27/06/2017
Atividades de organizações sindicais. Dados da vaga Descrição: Responsável pelo fechamento da folha de pagamento, encargos, férias e férias coletivas; rescisões, controle de ponto eletrônico cadastro e manuseio diário de informações; implantação do eSocial; implantação do sistema de folha pagamento; controle de arquivos e prontuários de funcionários; processo seletivo (entrevistas, contratações e demissões); atualizações em CTPS; aquisição de benefícios (vale transporte/refeição/ assistência medica); homologações; preposta em audiências trabalhistas; atendimento a colaboradores (esclarecimentos de dúvidas) triagem de currículos, compra uniformes e conhecimentos em legislação trabalhista. Emissão de CAGED; RAIS; GRRF; FGTS; SEFIP; GUIAS DE INSS;DIRF;CATS. Leia mais sobre o anúncio
Empresa:
SINTARESP
Cidade:
  • SAO PAULO/SP (1)
 

Analista de Administração de Pessoal (1 vaga)

Publicado em 16/06/2017
Realizar, analisar e conferir registros de empregados. Processar folha de pagamento, férias e rescisão. Efetuar cadastros diversos. Recalcular as guias de INSS, FGTS, Contribuição Sindical, IRRF. Auxiliar no processamento das obrigações acessórias de Administração de Pessoal. Atender e orientar clientes em dúvida Leia mais sobre o anúncio
Empresa:
AUDICON
Cidade:
  • UBERLANDIA/MG (1)
 

Analista de departamento pessoal

Sinônimos:

  • Analista de setor pessoal
  • Analista de administração pessoal
  • Analista de pessoal

Realiza o controle de pessoal em uma organização através de atividades como preparação de folhas de pagamento, determinação de período de férias e rescisões, como também demissão e contratação de trabalhadores de uma corporação. O analista também elabora relatórios de rotinas, mantém o controle dos empregados de uma empresa e presta assistência a eles. Além de fazer a inclusão e exclusão dos funcionários em assistências médica e odontológica.

 

Graduação necessária

A formação necessária para atuar como analista de departamento pessoal varia de acordo com a empresa contratante. Algumas empresas optam por profissionais com nível superior completo ou em curso, já outras apenas exigem que o analista possua a conclusão do ensino médio. Mas, uma exigência muito comum a muitas empresas é a experiência com as rotinas de departamento pessoal.

 

Regulamentação da Carreira

 

A profissão não é regulamentada e não há sindicatos que representem a profissão.

 

Especializações Possíveis

 

Para contratantes que exigem um nível de formação maior, alguns profissionais podem se especializar em gestão de pessoas, que objetiva preparar os formandos para ampliar a visão para as estratégias de gestão dos recursos humanos. O curso possui carga horária média de 360 horas e a grade curricular varia de acordo com a instituição que oferece a especialização. Mas, o curso apresenta noções administrativas, fundamentos do comportamento humano e conhecimentos em estratégias de marketing.

 

Aptidões desejáveis

 

Por trabalhar com o controle de pessoal numa empresa, o analista deve ser uma pessoa organizada, o que auxilia em seu trabalho e não permite que nada se perca ao longo do tempo. O analista deve estar comprometido com a função que desempenha, pois realiza atividades que definem os benefícios da força produtiva de uma empresa.

 

Campos de atuação

 

Em diferentes empresas, o analista atua, como a própria profissão aponta, no setor de departamento pessoal. Prestadoras de serviço, indústrias, empresas do comércio, todas as empresas de médio a grande porte necessitam de um departamento pessoal que auxilie no controle de pessoal e garanta os benefícios dos empregados, com isso a contratação de um analista é fundamental para desempenhar a assistência aos funcionários da empresa.

 

Cerificações

 

Não há certificações necessárias ao analista de departamento pessoal.