Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

Analista de câmbio

O ANALISTA DE CÂMBIO analisa processos relativos à área de câmbio, produzindo informações através do registro, controle e demais providências cabíveis, para permitir o correto desenvolvimento das atividades da área.

+ ver mais

No momento não temos vagas disponíveis para esta profissão.

Realize uma nova busca ou navegue pelas áreas de atuação abaixo.

Analista de câmbio

O Analista de Câmbio é o profissional responsável por avaliar o risco cambial do mercado de derivativos, analisar notas fiscais e documentos em geral, elaborar e alterar esquemas de pagamento de câmbio. O Analista de Câmbio também lida com a importação e cotação de preços, além de se responsabilizar pela administração e controle de contas a serem pagas.

 

Graduação necessária

 

O profissional dessa área deve possuir Ensino Superior completo em Administração de Empresas com ênfase em Comércio Exterior, Economia ou Ciências Contábeis. Tais graduações se devem às responsabilidades financeiras e administrativas que um analista de câmbio precisa ter ao lidar com taxações e documentação de impostos.

 

Regulamentação da carreira

 

Não há regulamentação para a carreira de Analista de Câmbio, entretanto a profissão está enquadrada na família de profissionais de Administração econômico-financeira da Classificação Brasileiras de Ocupações (CBO).

 

Especializações possíveis

 

Os Analistas de Câmbio podem especializar-se efetuando o curso de Operações de Câmbio na Exportação e na Importação com duração média de dois meses. Essa especialização potencializa a formação do profissional ao abordar conteúdos como: Regulamento do Mercado de Câmbio e Capitais Internacionais (RMCCI), Operações de Câmbio na Exportação, Operações de Câmbio na Importação e Modalidades de Pagamento no Comércio Exterior.

Outra possibilidade para o Analista de Câmbio obter maior capacitação e, portanto, credibilidade no mercado de trabalho é efetuando curso de Formação em Comércio Exterior, que transmite uma visão completa das principais particularidades do comércio internacional em disciplinas como: Sistemática de Exportação e Importação, Análise da Tributação na Importação e Exportação, Transporte Marítimo Internacional e Utilização de Cargas, Transporte Aéreo Internacional, Seguros no Comércio Exterior.

 

Aptidões desejáveis

 

As aptidões requeridas para ser um analista de câmbio são: excelência em matemática financeira, devido à complexidade de cálculos com as taxações; por lidar com importações, o profissional precisa ter um bom domínio de leitura em inglês, recomendando-se também aprofundamento em outros idiomas; um raciocínio lógico desenvolvido para gerir o risco cambial; ótima concentração e postura profissional adequada ao trabalho e agilidade na resolução das tarefas de cobrança de impostos, além de uma boa objetividade, sendo incisivo nas atividades realizadas.

 

Campos de atuação

 

O Analista de Câmbio pode atuar na taxação de impostos da alfândega, ou exercer a função de administrador de empresas relacionadas ao Comércio Exterior, atuar como contador e organizador de documentação de impostos. O profissional também possui atuação em áreas investigativas de bancos internacionais e análise de documentação de financeiro, bem como em conciliação de contas, conferindo os lançamentos feitos nas contas debitadas e creditadas com documentos específicos.

 

Certificações

 

Não há certificações para Analista de Câmbio.