Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

26/09/2014 - 15h01

Como ser um bom gestor de primeira viagem

Da redação Emprego Certo

Você entrega o trabalho com sucesso. É reconhecido. E outra vez mais resultados. Mais reconhecimento. Agora já executa tudo o mais rápido possível e com a melhor qualidade. O único caminho é para cima: uma promoção. Finalmente, você é o mais novo gestor da empresa. E, já que você era um ótimo analista, só poderá ser o chefe perfeito, certo? Errado!
 

O caminho para um salto na carreira nas empresas ainda não é planejado da melhor maneira para que os promovidos saibam como lidar com os seus novos subordinados. Nem todo bom analista se torna um bom gestor imediatamente.

 

Funções, ferramentas e objetivos de trabalho são outros. É preciso estar preparado para enfrentar o desafio de se adaptar ao novo cargo apenas com a prática, o trabalho em si. O medo é sentimento esperado.

 

A fundadora da consultoria de recursos humanos DMRH, Sofia Esteves, explica esse momento da carreira: “Durante esse aprendizado, é comum o profissional sentir angústias e ter muitas dúvidas. Algumas empresas investem no desenvolvimento de habilidades de liderança para gestores novatos, mas, infelizmente, poucas vezes isso acontece logo que assumem o novo cargo.” Ou seja, é comum estar despreparado para a transição.

 

Mas não por isso vai haver “colher de chá” para os novatos. Então aqui vão três dicas fundamentais para evitar os erros mais comuns cometidos por gestores de primeira viagem:

 

1. Observar outros chefes e gestores

Já que as empresas não costumam treinar os profissionais para os seus novos cargos, o melhor a fazer é aprender observando os colegas mais bem-sucedidos. Quais são as abordagens que dão certo? Quais iniciativas falharam e por quê? Não basta apenas se inspirar nos outros, também é preciso refletir sobre os motivos por trás dos erros e dos acertos para não “copiar” modelos de trabalho e desenvolver o próprio estilo de gestão.

 

2. Deixar as antigas tarefas para trás e delegar funções

Sim, tudo era feito de maneira exemplar, mas é preciso deixar tudo isso no antigo cargo. “Desenvolver seus subordinados e delegar tarefas é o primeiro grande passo para se tornar um bom gestor”, ensina Esteves. Agora é hora de assumir outras tarefas e, provavelmente, liderar uma equipe. Para isso acontecer, é preciso abrir mão de alguns velhos hábitos.

 

3. Investir em autoconhecimento

Toda pessoa que recebe uma promoção desse tipo precisa entender por que isso aconteceu. Necessita conhecer suas principais qualidades e fraquezas para saber guiar os novos subordinados. E uma boa opção pode ser cursos focados no tema. “Desconheço um bom gestor que não se conheça muito bem. Costumo dizer que um gestor nunca levará alguém do seu time para um lugar a que nunca foi”, esclarece a consultora.

 

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail