Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

19/08/2014 - 11h54

Perdi a promoção, e agora?

Da redação Emprego Certo

Trabalhar duro para atingir um objetivo e depois descobrir que o melhor que se deu não foi o suficiente pode ser extremamente frustrante. Ter expectativas pressupõe frustração, então não seria diferente quando isso envolve aumento de salário, reconhecimento profissional, novos desafios e a sensação de progresso. Mas nem por isso tudo está perdido. Perder uma promoção também pode ser uma ótima oportunidade.

Sylvia Ignácio da Costa, coordenadora da Graduação Tecnológica em Gestão de RH da Anhembi Morumbi, reconhece que o profissional possa se sentir, além de frustrado, inseguro, ressentido, triste e injustiçado. Entretanto, o conselho é mudar a perspectiva, ver a perda como um passo para o ganho futuro e evitar atrapalhar esse caminho com a negatividade.

“O profissional deve refletir sobre as razões pelas quais não obteve a promoção, não permitindo que sentimentos que está experimentando naquele momento interfiram no desempenho de suas atividades, o que poderá futuramente atrapalhá-lo para conseguir outra promoção”, lembra.

Nesse quesito, a coordenadora ressalta alguns cuidados importantes, como evitar fazer muitas reclamações, bajular superiores e culpar o outro, aquele colega que conseguiu a promoção. Criar conflitos só vai trazer atenção negativa ao comportamento do profissional e mostrar aos gestores que ele continua sendo inadequado para subir na empresa.

Guardar emoções negativas também entra para a lista de atenção, e a especialista sugere conversar com pessoas de confiança e expor como se sente antes que isso possa gerar problemas emocionais na vida pessoal e profissional.

“Solicite um feedback de seus superiores, não no sentido de querer saber o porquê de ter sido ‘deixado de lado’ e o outro foi promovido, mas sim para entender as razões que não permitiram a promoção. Às vezes, as pessoas não nos enxergam da forma como gostaríamos”, sugere Sylvia.

Por isso, a perda é sim uma oportunidade de crescimento na medida em que é propícia para uma autoavaliação, observar qual é a imagem profissional que o profissional transmite aos colegas e superiores, quais são os pontos cruciais que o impediriam de conseguir uma promoção, quais são os talentos a serem desenvolvidos e trabalhá-los até que o objetivo seja alcançado.

“A situação já ocorreu e você não poderá alterá-la. Não se culpe por perceber que está enciumado. Você é humano e esta é uma reação considerada normal em um primeiro momento. O que não pode é alimentar este sentimento, participar de rodinhas para comentar o ocorrido. Ao contrário, coloque energia na melhoria de seu desempenho”, finaliza a especialista.

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail