Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

11/07/2014 - 16h28

Etnocentrismo um jeito ruim de ver o mundo

Embora para alguns a palavra possa parecer estranha, etnocentrismo é o jeito com que a maioria das pessoas vêem o mundo. Ou seja, a partir de si mesmas.

 

De modo geral, todos temos a tendência de ao analisarmos uma cultura diferente da nossa usar como ponto de referência o que acreditamos ser verdade.

Nesse sentido, tudo o que o que é pensado é a partir dos nossos valores, nossos modelos, nossa definição do que é bom, ruim, aceitável ou não. Fato que acaba contaminando o olhar e causando sentimentos de estranheza, medo ou a simpatia e a vontade de ser hospitaleiro.

 

Etnocentrismo é um tipo de fenômeno que faz com que o lado racional, como talvez boa parte das coisas devessem ser vistas, se misturem com fortes elementos emocionais e afetivos atrapalhando o jeito como vemos o comportamento e o jeito de agir de pessoas de culturas diferentes da nossa.

 

Não é difícil acreditarmos que, por exemplo, os europeus são frios e inatingíveis diante de alguns fatos sobre os quais nós brasileiros teríamos uma atitude muito mais calorosa ou emotiva.

 

Ao mesmo tempo, é fácil, para nós brasileiros acreditar que nosso jeito de ser é o mais autêntico e verdadeiro.

 

Não é preciso viajar para outro país para pensar de forma etnocêntrica. Toda a vez que olhamos com crítica para as diferenças, por exemplo, entre os brasileiros do sul e os do norte e vice e versa estamos sendo etnocêntricos.

 

Muitas vezes, podemos achar o diferente estranho, absurdo, anormal ou mesmo engraçado, como é o caso da maioria dos comentários que ouvimos sobre alguns hábitos e costumes do Oriente por exemplo.

 

Seja como for, o etnocentrismo não funciona quando pensamos num mundo completamente globalizado e por isso mesmo é preciso combatê-lo.

 

Pensar as diferenças como novas possibilidades e entender que a verdade não é única, pode ser um ótimo começo para ver as relações que se estabelecem com estrangeiros que convivem conosco e os que nos visitam de forma positiva.

 

 

 

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail