Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

16/04/2014 - 17h44

Interações online merecem cuidados

Não faz muito tempo, a maioria de nós estaria longe de imaginar que a conversão das mídias faria com que mudássemos a percepção do tempo, a capacidade de armazenamento e troca de informações como o que estamos vivendo hoje.

Hoje, segundo uma pesquisa realizada pela Intel, duas em cada dez pessoas preferem perder a bolsa ou a carteira do que seu smartphone e, metade delas acredita que sem esses aparelhos sua vida seria horrível.

Nisso, fica claro que as ferramentas de comunicação fizeram o mundo mudar, ficar mais prático e mais ágil.

O que se sabe é que, mais do que nunca, essa ferramentas interativas além de serem um estímulo ao convívio reduziram a distância entre as pessoas de 6 graus de separação para 3,74 graus.

Mas nem tudo são flores, hoje os riscos de interações mal sucedidas e com prejuízos à imagem pessoal aumentaram na mesma proporção das facilidades para interagir.

Na vida online a maioria de nós sente-se livre para se comportar como quiser, disfarçados pelo pseudo anonimato. Para muitos, a vida off-line não tem ligação com a vida online e poucos se lembram que com estas novas ferramentas de comunicação existimos plenamente nesses dois mundos.

Uma coisa é certa, se usarmos como referência as regras de etiqueta da vida presencial de alguns anos atrás, somos obrigados a concordar que nunca fomos tão mal educados como agora. Segundo essas regras, passamos o dia cometendo gafes.

Mas, eu creio que não se trata do final dos tempos, como alardeiam os mais dramáticos. Ao contrário, só estamos vivendo um momento de adaptação entre as duas possibilidades de interação social online e off-line.

Nesse cenário de mudanças, já é possível ter respostas para algumas questões importantes para essas novas possibilidades de atuação. Entre elas:

 

  • O outro que convive e interage conosco online merece os mesmos cuidados e preocupações das interações off-line.
  • É preciso lembrar que a forma como escrevemos qualquer comunicação escrita online, envolve a mesma preocupação com a delicadeza, precisão e correção no uso das palavras.

 

  • Cuidado para não parecer grosseiro ao usar os símbolos ????? (perguntas) ou !!!!! ( exclamações ) ou palavras em caixa alta, PORQUÊ????? elas têm significados que estão além do que esta registrado graficamente.

 

  • Não é necessário desligar o celular quando estiver na presença de outra pessoa. Mas, é obrigação avisar se precisar atender, falar breve ou até ter que deixar o ambiente para falar.

 

  • Onde quer que se vá, no caminho para o aeroporto, nos elevadores, salas de conferências ou restaurantes, os viciados nos aparelhos móveis deixam escapar revelações chocantes e confidenciais. A pergunta é: quem precisa saber as coisas íntimas sobre uma pessoa que às vezes nem conhecemos? Assim, falar ao celular num ambiente compartilhado continua sendo um erro.

 

  • Ficar olhando a tela do smartphone, tablet ou computador enquanto alguém está falando - mesmo se você está apenas tomando notas – não é elegante. Na maioria das vezes, usar caneta e papel para anotações continua sendo o mais correto.

 

  • Para as mulheres, é bom manter o celular fácil de ser localizado dentro da bolsa. Perder uma chamada ou ter que tirar tudo para fora para achar o aparelho é uma demonstração de pessoa confusa e desorganizada.

 

  • Capas e acessórios precisam receber atenção. Motivos muito infantis ou com de cunho duvidosos devem ser evitados. A imagem profissional está também exposta na escolha desses complementos.

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail