Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

20/06/2012 - 14h08

Resenha do livro "A Vaga é Sua"

“Em nenhum outro lugar ou ocasião o poder de fazer ótimas perguntas tem um valor mais imediato e capaz de mudar uma vida do que em uma entrevista de emprego. Ali, a capacidade de um candidato sintetizar a troca de energia da entrevista de emprego em um conjunto de perguntas coordenadas separa as superestrelas dos demais candidatos.”

 

Penélope Trunk
CEO, Brazen Careerist

 

O preparo para a entrevista de emprego é de vital importância para conquista do primeiro emprego ou de nova posição no competitivo e exigente mercado de trabalho.

 

Aqueles profissionais que subestimarem o seu valor pagarão um alto preço – a perda da oportunidade de um bom emprego.

 

Explico: a globalização da economia, o surgimento e o avanço acelerado de novas tecnologias, a mudança na natureza do trabalho,  a acirrada competição entre as empresas e as nações, tornaram o processo de encontrar um bom emprego mais desafiador do que em qualquer outra época da sociedade moderna e pós-industrial.

 

O preparo a que me refiro tem vários aspectos:

 

  • A percepção que o profissional tem sobre si mesmo
  • O conhecimento do mercado de trabalho e como ele opera
  • O domínio do processo seletivo em todas as suas fases
  • A capacidade de formular perguntas inteligentes e que possam distingui-lo entre os milhares de profissionais que competem diária e avidamente no mercado de trabalho de trabalho.

 

É sabido que quando dois candidatos são iguais em todos os aspectos – idade, formação acadêmica, nível de experiência, competência técnica, fluência em mais de um idioma, exposição internacional, etc. – o prato da balança penderá para o candidato que fizer as perguntas mais inteligentes. No entanto, quando os candidatos não são capazes de formular perguntas desafiadoras, intrigantes e diferenciadas, é um sinal evidente de que eles não sabem pensar com independência e senso crítico.  Eles são meros repetidores de textos lidos ou ouvidos. Essa é uma atitude muito comum em nossos dias entre profissionais à procura de trabalho.

 

Infelizmente, para muitos profissionais, aprender significa assimilar minuciosamente todo o conhecimento fornecido por gurus e especialistas sem qualquer questionamento mais aprofundado. Esse é um grave equívoco. Afinal, eles devem questionar tudo, absolutamente tudo. Nada deve fugir ao seu escrutínio.

 

A leitura do livro “A VAGA É SUA” é obrigatória para todos aqueles profissionais que diariamente saem em busca de novo posto de trabalho. Ele reúne 301 perguntas inteligentes para posicioná-lo na vanguarda e capacitá-lo na condução de uma entrevista que impressione os seus entrevistadores.

 

Entretanto, elas não devem torná-los passivos. Todos devem usá-las como alicerce para a construção de novas indagações. Não há uma pergunta que uma vez feita os conduzirão ao sucesso no processo seletivo. A fórmula imbatível, passo a passo, não é apenas ardilosa; ela é como afirmou Soren Kierkegaard a respeito da verdade, como procurar em um quarto escuro um gato preto que não está lá.

 

Portanto, o não aprimoramento ou a criação de novas perguntas é cair no mesmo erro – a falta de distinção. 

 

O livro é formado por três partes:

 

  • Parte I – As Regras do Jogo – Trata sobre as regras básicas para construção das melhores perguntas: por que os candidatos necessitam fazer perguntas inteligentes; assuntos sobre os quais não devem questionar; a melhor hora para fazer perguntas, etc.

 

  • Parte II – Entreviste o Entrevistador - Discute as 301 perguntas explicitadas no livro. Como questionar headhunters, selecionadores,  agências de colocação de pessoal e ao gerente responsável pela contratação.   

 

  • Parte III – O Ciclo de Vida da Pergunta – Discorre dos cenários mais comuns em entrevistas de emprego e recomenda perguntas cruciais para cada um deles.

 

O livro foi escrito por um especialista em recolocação profissional, John Kador, com a ajuda de centenas de selecionadores profissionais, coaches, gerentes de contratação, além de especialistas de recursos humanos de grandes organizações.

 

Acredito que os leitores se beneficiarão tremendamente com a leitura deste trabalho, à medida em que desejam ser mais competitivos no mercado de trabalho.

 

O livro deve ser usado como um guia, porém jamais deve substituir o seu pensamento livre, crítico e reflexão mais aprofundada. Afinal, o homem que não se decide a cultivar o hábito de pensar e de questionar desperdiça o maior prazer de sua vida. Nas palavras de Thomas Edison, cientista e inventor norte-americano, 1847-1931,  “Ele não apenas perde o maior prazer, como não consegue aproveitar o máximo  de si mesmo. Todo o progresso, todo o sucesso, floresce do pensamento.”

 

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail