Não tem cadastro? Clique aqui!

Já tem cadastro? Entre aqui

  • BUSCAR
Busca avançada de vagas

Limpar campos

30/11/2010 - 18h13

Competência social: imprescindível no mundo dos negócios

Viviane Macedo
Em São Paulo

Licia Egger-MoellwaldFalamos sempre sobre habilidades, competências técnicas, mas, por vezes, esquecemos de algo extremamente importante para o sucesso no mundo dos negócios: a competência social. Saber lidar com diferentes e inusitadas situações, em contextos inesperados, é imprescindível para um profissional que busca sucesso na carreira.

 

Na 2ª edição do livro "Competência Social: mais que etiqueta, uma questão de atitude", da editora Cengage Learning, Licia Egger-Moellwald e Hugo Egger-Moellwald ilustram casos que ocorrem com frequência no dia a dia, profissional e pessoal, e dão alternativas válidas para lidar com essas situações e, o melhor, sair-se bem delas.

 

Em entrevista ao PROFISSIONAL EM FOCO, Licia conta o que é a competência social na prática, como aprendê-la e lista alguns aspectos importantes que precisam ser trabalhados o quanto antes por profissionais no mercado de trabalho.

 

PROFISSIONAL EM FOCO: O que é competência social?

LICIA EGGER-MOELLWALD: Falando resumidamente, competência social é a reunião de todos os conhecimentos que uma pessoa adquire ao longo da vida e que, de alguma forma, usa para gerir os acontecimentos que possam vir acontecer com ela.

 

PROFISSIONAL EM FOCO:  Como desenvolver essa competência comportamental?

LICIA: Lendo e observando muito. As pessoas costumam sempre se inspirar nas situações de sucesso, mas é preciso fazer o contrário também -- observar situações embaraçosas, de constrangimento. Em situações comuns é fácil se sair bem, ter boas respostas, o difícil é ter o mesmo desempenho em situações de saia justa. O exemplo a tomar nem sempre é o de sucesso, o melhor é pegar o contratempo do outro e se imaginar na mesma situação, para ir criando repertório. Imaginar que o mesmo pode acontecer com você ajuda a pensar em como se portar nas situações.

 

Competência Social PROFISSIONAL EM FOCO: O livro tenta apresentar situações, mas é o dia a dia é que vai dar a vivência. Nesse segundo caso, o tempo e a experiência são os grandes aliados para ganhar o tão falado jogo de cintura no convívio social?

LICIA: Com certeza, mas, nem sempre, um profissional tem esse tempo. Há alguns anos, uma carreira executiva demandava muito tempo e quando um profissional começava a se relacionar com todos os níveis hierárquicos da empresa, já tinha uma maturidade que vinha de anos de trabalho e aprendizado. Hoje, as carreiras executivas são muito rápidas e não necessariamente um jovem executivo teve tempo de aprender com as experiências vividas. Dessa forma, o tempo, que antes era um aliado, hoje falta para alguns profissionais - super preparados tecnicamente, mas ainda “crus” no aspecto comportamental.

 

PROFISSIONAL EM FOCO: Temos responsabilidade sobre a visão que as pessoas têm de nós?

LICIA: Com certeza, porque a percepção que as pessoas têm a nosso respeito está baseada em três pilares – visão, modo de falar e comportamento. A preocupação que temos de ter é com relação ao que o outro vê a nosso respeito e não ao que achamos que transmitimos. A gente tem mania de pensar que o outro nos vê como nós nos vemos e isso não é verdade. Então tudo que eu mostro para as pessoas precisa ser bom. Como fazer isso? Apresentando-me visualmente bem, falando bem e me comportando de maneira adequada ao ambiente, seja ele qual for.

 

PROFISSIONAL EM FOCO: A partir do  trabalho que você desenvolve nas empresas e o que conhece dos funcionários, quais seriam os principais pontos comportamentais a serem trabalhados com prioridade pelos profissionais?

LICIA:  1 - Procurar se relacionar bem com as pessoas. Isso significa tratar bem e mostrar que é uma boa pessoa, que vale a pena interagir com você.

 

2 - Minimizar todas as probabilidades de ruídos na comunicação. Se vestir faz parte disso e é fundamental.

 

3 - Sorrir! Pessoas de sucesso estão sempre sorrindo. Transmitir isso é importante.

 

4 - Reconhecer que ninguém é bem-sucedido sozinho. Então, é importante saber que você depende de todas as pessoas com quem interage no dia a dia, sejam elas de cargos hierárquicos mais altos ou mais baixos que o seu. Porque do futuro ninguém sabe e nem onde estaremos amanhã.

 

5 - Não acreditar que pode burlar todas as regras do convívio social e profissional. Ética e valores morais precisam e devem ser preservados e mantidos a todo custo, porque hoje talvez a relação sem ética propicie uma vantagem, mas seguramente isso custa caro depois.

 

6 - Informar-se sempre. É preciso ter competência cultural, sem a qual também não se vai muito longe. Hoje não tem desculpa para ser uma pessoa desatualizada. 

ver mais dicas

Destaques

Currículo
Cuidado na sua redação
Carreira
A Escolha da Profissão
Sabe a diferença?
Recolocação, Outplacement , Headhunting e Coaching
Colunas
Daniela do LagoDaniela do Lago
Cezar TegonCezar Tegon
Eugenio MussakEugenio Mussak
Elaine SaadElaine Saad
Gutemberg de MacêdoGutemberg de Macêdo
Judith BritoJudith Brito
Licia Egger MoellwaldLicia Egger Moellwald
Luiz PagnezLuiz Pagnez
Boletim
Receba por e-mail o boletim do Emprego Certo

É necessário informar um e-mail